Notícias

Sala de imprensa
há 10 meses

Censo mostra que 77% dos estabelecimentos foram classificados como de agricultura familiar

Foto Licia Rubinstein Agencia IBGE Noticias

Aproximadamente 10,1 milhões de pessoas trabalhavam na agricultura familiar em 2017. O número faz parte do Censo Agropecuário 2017 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgado nesta sexta-feira, 25 de outubro. O estudo cita, ainda, que aproximadamente 77% foram classificados como agricultura familiar, sendo responsáveis por 23% do valor da produção.

Nos estabelecimentos da agricultura familiar, a população ocupada se reduziu em 2,166 milhões de pessoas, enquanto nos estabelecimentos não caracterizados dessa forma, deu-se o oposto, gerando um aumento de 702,9 mil trabalhadores. No total, em 2017, os números mostram que havia 15,1 milhões de pessoas ocupadas nos estabelecimentos agropecuários. Isso representou uma queda de 1,5 milhões de pessoas em relação ao Censo Agro anterior, realizado em 2006.

Produção
Com relação à produção das atividades agropecuárias, o Censo mostra que foram R$ 465,5 bilhões em 2017, sendo a maioria, ou seja, 66,2% relativos à produção vegetal e 33,8% à produção animal. Na produção vegetal, 77% vêm das lavouras temporárias, e, já na produção animal, 70,5% são de grande porte.

Entre os estabelecimentos no Brasil, o Censo de 2017 traz que o país tinha 51.203 estabelecimentos com mil hectares ou mais, que representavam apenas 1% do total, mas concentravam 47,6% da área ocupada pelos estabelecimentos. Em 2006, essa participação era de 45%.

Internet
O acesso à internet entre os produtores apresentou um crescimento de 1.900% em 11 anos. Segundo a pesquisa, em 2006 eram 75 mil que tinham acesso à ferramenta. Em 2017, o número saltou para 1.430.156 de produtores. Entre eles, 659 mil utilizavam banda larga, com 909 mil via internet móvel.

Congresso Brasileiro de Gestores da Agropecuária
De olho nesse cenário e com o objetivo de debater a integração de políticas públicas para o setor agropecuário da União Estados e Municípios, além de buscar o aperfeiçoamento de políticas para dar mais eficiência ao setor agropecuário, a Confederação Nacional de Municípios (CNM) promove, nos dias 5 a 7 de novembro, o Congresso Brasileiro de Gestores da Agropecuária.

Em conjunto com a entidade, promovem o Congresso o ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e a Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária (CNA). O evento tem o apoio institucional do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

As inscrições são gratuitas para representantes de prefeituras que são filiadas à CNM e podem ser feitas, online, até o próximo dia 31 de outubro. Após esta data, somente presencialmente no dia do evento, que acontece no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB), em Brasília.

Por: Lívia Villela
Foto: Licia Rubinstein/Ag. IBGE Notícias
Da Agência CNM de Notícias, com informações do IBGE